Wähle ein anderes Land oder eine andere Region, um Inhalte für deinen Standort zu sehen. Select another country or region to see content for your location. Seleccione otro país o región para ver el contenido de su ubicación. Selecteer een ander land of een andere regio om de inhoud van uw locatie te zien. Vælg et andet land eller område for at se indhold, der er specifikt for din placering. Voit katsoa paikallista sisältöä valitsemalla jonkin toisen maan tai alueen. Choisissez un pays ou une région pour afficher le contenu spécifique à votre emplacement géographique. Επίλεξε μια άλλη χώρα ή περιοχή, για να δεις περιεχόμενο σχετικό με την. Scegli il Paese o territorio in cui sei per vedere i contenuti locali. 別の国または地域を選択して、あなたの場所のコンテンツを表示してください。 Velg et annet land eller region for å se innhold som gjelder der. Escolha para ver conteúdos específicos noutro país ou região. Välj ett annat land eller område för att se det innehåll som finns där. Konumunuza özel içerikleri görmek yapmak için başka bir ülkeyi veya bölgeyi seçin. Chọn quốc gia hoặc khu vực khác để xem nội dung cho địa điểm của bạn

Diese Box wird angezeigt, da die Seitensprache nicht mit einer den Browsersprachen übereinstimmt.

Close



LIQUI MOLY atinge a marca dos 800 colaboradores

Numa década, o especialista alemão em lubrificantes e aditivos duplicou o seu número de trabalhadores

Setembro de 2017 – O crescimento da LIQUI MOLY continua a ser notícia. Nos meses de agosto e setembro, o especialista alemão em lubrificantes e aditivos contratou 23 novos colaboradores, ultrapassando assim a marca dos 800 trabalhadores. Desde 2006, o número de colaboradores duplicou. Mais recentemente, a LIQUI MOLY anunciou que o mês de agosto foi um mês histórico, graças ao volume de negócios mais elevado de sempre.

Na LIQUI MOLY, o volume de negócios, o lucro e o número de colaboradores aumentam quase simultaneamente. Atualmente, a empresa conta com 819 trabalhadores, 515 nas instalações de Ulm e 268 em Saarlouis. A marca dos 800 trabalhadores foi atingida pelos 23 colaboradores que iniciaram a sua atividade na empresa em agosto e setembro. Neste grupo, contam-se nove aprendizes. “É fantástico ver como estes jovens trazem uma lufada de ar fresco à empresa e trocam novas ideias sobre o futuro da LIQUI MOLY com a velha guarda”, sublinha o sócio-gerente Ernst Prost. Para ele, isto representa muito mais do que a “famigerada” passagem de testemunho entre gerações. “Trata-se pura e simplesmente da sustentabilidade de uma empresa. Isso está, de facto, na mão da juventude.”

Ernst Prost está convencido de que todos contribuem para esta sustentabilidade: “Enquanto nós, a “velha guarda”, contribuímos com experiência, rotina e profissionalismo, transmitindo simultaneamente o nosso sistema de valores, eu espero dos nossos jovens colaboradores um espírito empreendedor, novo, até mesmo radical e revolucionário. E, obviamente, uma formação profissional especializada, bem como uma boa formação em termos gerais, são, para mim, algumas das grandes tarefas de qualquer empresa e de todas as firmas que participem com responsabilidade social na economia de mercado.”

Para o sócio-gerente da LIQUI MOLY, o volume de negócios e o lucro são indicadores importantes para a continuidade da empresa. “Só uma companhia bem-sucedida é capaz de oferecer, de modo duradouro, postos de trabalho seguros.” Porém, estes importantes indicadores de sucesso só podem ser alcançados através de outros números, que não aparecem no balanço da empresa: o número de trabalhadores e, em primeira linha, a sua dedicação. “O aspeto mais importante da nossa empresa não são os indicadores económicos, são as pessoas. O nosso balanço é positivo também por isso”, diz Ernst Prost. Uma vez que todos contribuem para o sucesso da empresa, o diretor não destaca nenhum dos 800 colaboradores em particular. “Nós não trabalhamos a solo, somos uma equipa em que cada um cumpre a tarefa que lhe foi pessoalmente atribuída.”

A LIQUI MOLY precisou de quase cinco décadas para chegar aos 400 trabalhadores, mas, em 2006, o número de colaboradores aumentou subitamente com a integração de mais de 130 pessoas, graças à aquisição do fabricante de óleos minerais MÉGUIN, sediado no estado alemão do Saarland. Nos últimos onze anos, o número de colaboradores duplicou. Apesar desta evolução, Ernst Prost não quer comprometer-se com uma data para ultrapassar a marca dos 900 ou, até, 1000 trabalhadores: “Mas se o nosso crescimento mantiver este passo, isso pode acontecer mais cedo do que esperamos.”

 

 

Peter Szarafinski


Marketing
Peter Szarafinski
Head of Media Relations International
Jerg-Wieland-Straße 4
89081 Ulm

Telefone: +49 731 1420-189
Fax: +49 731 1420-82
E-mail: peter.szarafinski@liqui-moly.de

Contacto

Portugal